segunda-feira, 5 de setembro de 2016

O governador Rui Costa negou nesse domingo (4), durante inauguração do sistema viário Águas Claras, em Salvador, que o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff e a posse de Michel Temer devem atrapalhar o repasse e o andamento das obras na Bahia.
De acordo com o governador, as verbas são um recurso garantido por lei e se preciso, o Estado procurará a justiça para garantir a realização das obras. Espero que a mudança de governo não interfira na vinda de recursos para as obras na Bahia. Espero que a lei seja respeitada e que as obras sigam seu curso normal, afinal, os contratos são existentes, tem uma lei nesse país. A Bahia é um estado importante, o quarto maior estado brasileiro e não acho que ninguém vai trabalhar contra o estado e se trabalhar vamos tomar as medidas legais para garantir as obras em Salvador,” afirmou.
Ainda de acordo com Rui,  tudo segue dentro do cronograma e dentro do prazo estabelecido. 




Fonte: Bocaonews

0 comentários:

Postar um comentário